Notícias

Após ajustes, a previsão é que o documento esteja aprovado em abril

Após rodadas de discussões e várias reuniões, que ocorreram ao longo de 2021, o segmento de Cultura inicia sua discussão setorial debatendo o tema: Diálogo social e construção da alteridade, da I Conferência ARCA: o Brasil pode mais. A Cultura, assim, incorpora-se a outros segmentos na discussão de um conteúdo programático para o debate eleitoral de 2022. Nesta quinta, dia 21/01/2022, os representantes da ARCA, AsMinC e colaboradores, se reuniram para definir os próximos passos do documento que fará parte do projeto de desenvolvimento sustentável que servirá à sociedade brasileira.

Para o setor, ficou deliberado que a discussão ocorreria a partir de documento base e um formulário amplo, que também servirá de subsídio para o documento final, que serão divulgados ao público no dia 31 de janeiro. Em seguida, já no dia 15 de fevereiro, indica-se a realização de uma live de apresentação do documento aberta à participação da sociedade civil, além de outros eventos que serão construídos a partir da necessidade de ampliação do debate. A expectativa é que o documento esteja pronto em abril e que haja uma live de aprovação.

A primeira Conferência ARCA: o Brasil pode mais, além da cultura, engloba vários outros temas e segmentos como: Desigualdades de Gênero, Educação, Desenvolvimento e Inovação, Sustentabilidade Ambiental, Desemprego Zero, entre outros. Para saber mais sobre o projeto, clique aqui.

I Conferência ARCA: o Brasil pode mais

Após cinco anos de existência, a ARCA se propõe a realizar um esforço amplo de articulação e mobilização de diversos atores e setores interessados na construção de uma agenda política progressista. É com este objetivo que nasce a I Conferência ARCA: o Brasil pode mais, se tornando um espaço de debates, reflexões e trocas de experiência, em que estudiosos, políticos, servidores públicos, sociedade civil e lideranças de movimentos sociais discutem questões cruciais a um projeto de desenvolvimento sustentável.

ARCA

A Articulação Nacional das Carreiras para o Desenvolvimento Sustentável (ARCA) surgiu em 2016, no contexto de descontinuidade institucional na Administração Pública Federal, que trouxe o desafio de união das carreiras públicas para a defesa da plena realização do Estado Democrático de Direito.

Atualmente congrega diversas associações e sindicatos, que juntos representam mais de 20.000 mil servidores públicos, constituindo um importante canal de discussão com a sociedade e de construção de ideias que possam indicar a viabilidade de um Brasil livre, justo e solidário.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.