Notícias

Ontem, 12/01, a Diretoria da ASMINC foi representada pela presidente Juliana Silva, diretora-suplente Thaís Werneck, e pelos representantes provisórios do colegiado da setorial do Iphan na ASMINC, Maíra Ribeiro e Thiago Trindade, na reunião com o Presidente do Iphan Leandro Grass. Informamos sobre o papel da ASMINC na representação dos servidores federais da cultura e sobre a necessidade de que os novos dirigentes das instituições do setor da cultura possam recuperar a transparência e fortalecer a comunicação organizacional, considerando o descaso, a censura e as omissões promovidas pela última gestão do setor. Entregamos em mãos os seguintes documentos: Diagnóstico sobre as Condições de Trabalho no Iphan (elaborado em 2022 pela Representação Setorial do Iphan na ASMINC), Apontamentos dos Servidores da Cultura/Fórum da Cultura para o Grupo de Transição de Governo (dez 2022), Pautas específicas dos Servidores do Iphan (dentro do documento do Fórum da Cultura). Contextualizamos cada documento, ressaltando os problemas relatados pelos servidores associados em algumas unidades do Iphan, bem como a necessidade de que a nova gestão do Iphan fomente o diálogo e a participação dos servidores em relação aos processos de reconstrução das políticas de preservação do patrimônio cultural.

 

Nesse sentido, salientamos que o 5º tópico da Carta do Fórum da Cultura sobre a Implementação de uma efetiva política de gestão de pessoas na cultura seja enfatizado no Iphan, de modo participativo, por se tratar de melhoria na vida funcional, envolvendo o Programa de Gestão e Desempenho-PGD, a formulação de um plano de carreiras dos cargos da cultura, entre outros assuntos. O presidente Grass explicou que seu interesse é promover estratégias de escuta e diálogo com os servidores, firmando o seu compromisso com o aperfeiçoamento das relações com os trabalhadores do Iphan e de participação social em diversas instâncias do Instituto. Propôs, ao final, que os representantes da ASMINC auxiliem o gabinete com propostas de estratégias para o diálogo mais amplo dentro do Iphan sobre esses assuntos.

Deixe uma resposta

Esse site utiliza o Akismet para reduzir spam. Aprenda como seus dados de comentários são processados.